Medidor de glicose: como escolher e qual é o melhor modelo?

medidor de glicose

Um método que é unânime na hora de fazer o controle da diabetes é verificar o nível de glicose no sangue a partir de um medidor de glicose.

Talvez você ainda não saiba como funciona ou como escolher o melhor medidor de glicose, porém nesse artigo iremos ajudá-lo a entender melhor tais questões.

O que é a diabetes

Como já falamos aqui no blog, a diabetes é uma doença metabólica que surge devido a falta ou ineficiência da insulina.

A insulina, por sua vez, é um hormônio produzido no pâncreas e que participa do processo de absorção da glicose pelas células do organismo.

Isso significa que, quando a insulina não é produzida na quantidade adequada, o nível de glicose no sangue aumenta, trazendo problemas decorrentes dessa alteração.

Como utilizar um medidor de glicose

Um medidor de glicose geralmente vem acompanhado de uma caneta lancetadora, lancetas e tiras, esse é o kit básico para realizar a verificação do nível de glicose no sangue.

A lanceta é a agulha que é encaixada na caneta lancetadora. A caneta, por sua vez, é posicionada na ponta de um dedo da mão e um botão é acionado para que a agulha faça um furo.

A tira é uma espécie de fita que é encaixada no aparelho medidor de glicose e também é onde o paciente deposita a gota de sangue para a verificação.

Confira o vídeo abaixo para entender melhor:

No vídeo é utilizado o Kit Medidor de Glicose Free Lite da G-Tech

Como escolher o melhor medidor de glicose

Existem alguns fatores que você deve observar antes de escolher o melhor medidor de glicose pra você.

Quantidades de tiras e lancetas

O primeiro passo será avaliar o número de verificações que o paciente precisa fazer por dia. Isso porque as lancetas e tiras são descartáveis, logo, a cada verificação é preciso usar novas.

Por isso, se uma pessoa precisa fazer muitas verificações por dia, é mais vantajoso adquirir um medidor com uma grande quantidade de lancetas e tiras.

Outro ponto importante envolvendo tiras e lancetas é que elas precisam ser da mesma marca do aparelho, então procure por aparelhos de marcas que são mais fáceis de encontrar esses materiais.

Codificação automática

O segundo ponto é escolher um medidor com codificação automática. Se você ainda não sabe o que é isto, vou explicar agora.

Toda tira tem um código (tiras da mesma caixa têm o mesmo código). Todo aparelho, quando vai receber uma tira nova, precisa registrar aquela tira para garantir os resultados corretos.

Em alguns modelos, esse registro é feito manualmente. O paciente precisa inserir o código da tira no aparelho e pode acontecer de inserir o código errado, causando erros nas verificações futuras.

Por isso, optar por um aparelho que lê o código automaticamente é mais vantajoso.

Memória de verificações

Se uma pessoa precisa fazer um controle rigoroso da glicemia, ela vai precisar de um aparelho com a função de memória de verificações.

Ter um aparelho com memória traz muito mais praticidade do que anotar em um caderninho o valor da glicemia sempre que fizer um teste.

Os aparelhos podem armazenar entre 60 e 500 resultados, dependendo do modelo. Então, procure o que for o suficiente para você.

Conforto na hora do teste

Alguns medidores só conseguem analisar o sangue quando há uma grande quantidade na tira. Ás vezes, pra conseguir isso, a pessoa precisa furar o dedo mais de uma vez. 

Óbvio que isso não traz conforto nenhum pra quem precisa fazer o controle da glicemia. Por isso, existem modelos que conseguem fazer o teste com quantidades mínimas de sangue.

Observe se o aparelho precisa de um volume de sangue entre 0,7 uL e 0,9 uL. Essa quantidade já é suficiente para fazer um teste sem grandes incômodos.

Ainda assim, você pode encontrar modelos que precisam de apenas 0,4 uL a 0,6 uL, menos ainda do que citamos anteriormente. Fique atento!

Resultado rápido

Quem precisa fazer um controle de glicemia mais rigoroso, muitas das vezes precisa parar as tarefas diárias para fazer o teste e isso pode se tornar um problema.

Por isso, busque por modelos que façam medições rápidas! Você consegue encontrar aparelhos que realizam os testes em 10 e até 5 segundos!

Dupla função

Assim como a glicose, o colesterol também é medido a partir de uma gota de sangue. Por isso, alguns modelos de medidor de glicose também trazem resultados do colesterol.

Se o paciente precisa fazer o controle de ambos, esse tipo de aparelho pode ser a melhor opção. Ele traz bastante praticidade ao furar o dedo apenas uma vez para dois testes diferentes.

Visor iluminado

Alguns modelos de medidor de glicose possuem uma tela LCD iluminada. Ela é muito vantajosa para quem precisa fazer a medição durante a noite ou para quem tem problemas de visão.

Outro ponto interessante também é verificar se os valores na tela são de um tamanho confortável para o paciente enxergar. Alguns modelos trazem números bem grandes.

Medidor de glicose portátil

Um medidor de glicose normal não costuma ser tão grande, mas um medidor portátil pode trazer inúmeras vantagens para quem precisa levá-lo para vários lugares durante o dia.

Com certeza um kit que caiba no bolso ou na bolsa é muito mais vantajoso do que uma bolsinha de mão.

Qual é o melhor medidor de glicose?

Os medidores de glicose podem ser vendidos como kit ou separadamente. Assim como a caneta lancetadora, as tiras e as lancetas podem ser compradas individualmente também. 

Hoje vamos falar dos kits. Separamos 3 dos melhores produtos do mercado para você que já sabe como escolher o melhor medidor de glicose. Agora é só escolher o ideal para o seu uso.

Kit Medidor de Glicose Free Lite da G-Tech

Esse kit é o queridinho do mercado. Trazendo qualidade com um preço acessível, o medidor Free Lite da G-Tech acompanha 10 lancetas, 10 tiras, 1 caneta lancetadora e 1 bolsinha de transporte.

Ele é portátil e possui um alarme para lembrar da hora certa de medir a glicose. A memória tem capacidade para 365 testes e o aparelho tem um ejetor de tiras, facilitando o descarte.

As tiras precisam de apenas 0,5 uL de sangue para a medição e ainda possuem Tecnologia Fast Draw, que “puxa” a gota de sangue aproveitando toda a amostra de forma rápida.

Além disso, o aparelho permite personalizar as médias dos resultados e ainda possibilita a conexão com um computador para possibilitar uma análise melhor.

Kit Medidor de Glicose Free 1 da G-Tech

O diferencial deste modelo é o fato de não utilizar um sistema de codificação. Ele ainda possui um alerta de hipoglicemia, marcações pré e pós refeição e médias automáticas de 7, 14 e 30 dias.

O aparelho também conta com alarmes configuráveis para lembrar da hora certa de fazer os testes. As tiras precisam de 0,9 uL de sangue para a medição.

O medidor Free 1 ainda possui memória de até 500 testes e faz a leitura em 5 segundos. Também é possível fazer conexão com o computador, porém o cabo é vendido separadamente.

O kit inclui o medidor de glicose, 10 tiras, 10 ou 50 lancetas, 1 caneta lancetadora, além de manuais de instruções do aparelho e das tiras, assim como 1 guia de início rápido e 1 caderno de auto verificação.

Kit Medidor de Glicose Accu-Chek Active da Roche

Este medidor de glicose já vem codificado e mostra o resultado em 10 segundos. Ele armazena os últimos 500 testes com data e hora e possui conexão USB para transferência de dados para o computador.

Ele ainda tem um alerta de vencimento de tira, ou seja, ele avisa quando a tira que irá ser utilizada está fora da validade. Tiras vencidas mostram resultados incorretos.

Como a tira precisa de 1 a 2 uL de sangue, o diferencial deste modelo está na possibilidade de uma 2ª gota em 10 segundos para aproveitar a tira que não teve uma amostra de sangue suficiente.

O Accu-Chek Active possui médias dos resultados dos últimos 7, 14, 30 e até 90 dias. Facilitando a interpretação dos dados pré e pós refeição. A bateria dura até 1.000 testes.

Onde consigo adquirir estes produtos?

Você encontra kits de medidor de glicose e todo material para manter o controle de glicemia nas melhores lojas de produtos para saúde, como a Maconequi. Além dos modelos que citamos anteriomente, é possível encontrar outras opções também.

Lá você pode comprar os materiais em conjunto ou separadamente. Lembrando que a loja entrega para todo o Brasil e tem os melhores preços!

Blog com o objetivo de democratizar o conhecimento sobre diabetes e as formas de se prevenir e também cuidar dessa doença. Aqui você também encontra os melhores produtos para controle de glicemia.
Post criado 23

Um comentário sobre “Medidor de glicose: como escolher e qual é o melhor modelo?

  1. E importante adquirir um kit de diabetes compativel com o dispositivo. Geralmente, este kit inclui um dispositivo de puncao, lancetas, tiras de teste e uma bolsa de transporte.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados

Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione ESC para cancelar.